sábado, 21 outubro 2017
Aviso

COMUNICADO
  1.      Os Jogos Universitários "Interfef" ocorrem dentro de um Projeto Acadêmico alicerçado nas atividades culturais e desportivas que buscam atuar em favor à universalização e aprimoramento da educação. Estas ações são estimuladas pela Lei n° 9.394/1994, pelo Decreto nº 6.180/2007 e pelo Plano Nacional de Educação.

         Assim, o "Interfef", está inserido no Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), faz parte das atividades letivas regulares da IES e dos cronogramas das disciplinas dos cursos. Desta forma as atividades são acompanhadas obrigatoriamente da FREQUÊNCIA DE TODOS OS ALUNOS e não só dos atletas devidamente inscritos nos jogos.

FARMÁCIA

Informações

Título
Farmacêutico
Habilitação
Bacharelado
Duração
5 anos
Nro. Vagas
100

O curso de FARMÁCIA da Fundação Educacional de Fernandópolis - FEF está alicerçado em uma das melhores estruturas da região, contando com laboratórios em constante reciclagem, professores mestres e doutores, Farmácia Escola, Laboratório de Análises Clínicas e uma grade curricular absolutamente adequada à realidade profissional. Os farmacêuticos da FEF são capazes de desenvolver pesquisa, gerenciar e executar atividades nas áreas técnicas de dispensação, manipulação de fármacos, medicamentos e cosméticos. Proceder a análises laboratoriais clínicas, toxicológicas e de controle de qualidade. 

Hoje em dia, a expectativa de vida do homem é duas vezes maior do que há cem anos. Em boa parte, esse aumento é devido aos avanços da pesquisa farmacêutica. Como um alquimista, o farmacêutico transforma substâncias em poderosos remédios. Mas isso não tem nada de feitiçaria. Aqui, o que vale é o profundo conhecimento dos produtos químicos e as reações que eles desencadeiam no organismo.

O farmacêutico é o responsável pela pesquisa, controle, manipulação e comércio de medicamentos; o trabalho altamente especializado do profissional é vital para a saúde pública.

O Brasil é um país carente no setor de produção e pesquisa de medicamentos. Por isso, o avanço tecnológico sempre exigiu a permanência de bons profissionais nas indústrias farmacêuticas.

O curso objetiva formar um profissional de saúde habilitado ao exercício de Farmácia e preparado para assumir profissionalmente um novo modelo de assistência farmacêutica nas diversas áreas de atuação como: participar e agir como profissional de saúde dentro de seu âmbito profissional, participar da política nacional de saúde e lutar por uma política nacional de medicamentos que atenda às necessidades do país, promover a Vigilância Sanitária, promover a Fármaco-Vigilância e prestar Assistência Farmacêutica.

O registro profissional dessa categoria é obtido junto ao Conselho Regional de Farmácia (CRF).

Campo de atuação:

As atividades do profissional podem ser desenvolvidas em qualquer um dos locais de trabalho a seguir relacionados: farmácia comercial, farmácia privativa, farmácia hospitalar, drogaria, distribuidora de medicamentos, indústria de medicamentos alopáticos e homeopáticos, indústria de saneantes e domissanitários, indústria de cosméticos e perfumes, indústria de alimentos, farmácia semi-industrial, instituições públicas municipais, estaduais e federais, instituições privadas, clínicas, laboratórios de análises clínicas, laboratórios de análises toxicológicas, laboratórios de análises bromatológicas, laboratórios de extração, purificação, análise prévia e controle fiscal, laboratórios que preparem ou fabriquem produtos biológicos, imunoterápicos, soros, vacinas, alérgenos, opoterápicos para uso humano e veterinário, bem como derivados do sangue, indústria de produtos dietéticos e cosméticos com indicação terapêutica, instituições de ensino médio, profissionalizante, de ensino superior em faculdades de Farmácia e áreas afins, laboratórios que produzem radioisótopos e radiofármacos, laboratórios que fabricam reativos e reagentes.

Sobre o Curso

Portaria
MEC/SERES nº 821, Publicada no D.O.U. em 02/01/2015

Coordenador

Grade e Corpo Docente

  • CORPO DOCENTE
  • GRADE
Ir para o topo